Atualizado em :05/06/2012
Senado aprova instituição do Prêmio Mérito Ambiental
Ideia é premiar pessoas físicas e jurídicas que tenham desenvolvido iniciativas relevantes na defesa do meio ambiente e na promoção do desenvolvimento sustentável. Rollemberg foi o autor do projeto que institui o prêmio
 
Por Agência Senado

Imagem: InternetO Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (5), a instituição do Prêmio Mérito Ambiental, a ser conferido anualmente pela Casa. O senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), autor do projeto de resolução que institui o prêmio (PRS 13/2012), explicou que a ideia é premiar pessoas físicas e jurídicas que tenham desenvolvido iniciativas relevantes na defesa do meio ambiente e na promoção do desenvolvimento sustentável.

"É um gesto simbólico da maior importância. O Brasil tem sido um exemplo nas questões do meio ambiente", argumentou Rollemberg.Para o senador Waldemir Moka (PMDB-MS), o Brasil está na vanguarda do mundo nas questões ambientais, como um dos países que mais preservam seu meio ambiente original. 

O senador ressaltou que 81% da Amazônia estão preservados e que 20% da propriedade privada são destinados à reserva legal. "O Brasil é exemplo de preservação ambiental",  disse Moka. A senadora Marta Suplicy (PT-SP), que presidia a sessão, destacou que o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou a menor taxa de desmatamento da Amazônia em 24 anos. 

Segundo dados do Inpe, entre agosto de 2010 e  julho de 2011, a região teve 6 mil quilômetros quadrados desmatados, o que representa a menor taxa desde 1988. "Nós, realmente, só estamos fazendo o nosso dever de casa", declarou.
Fonte: Agência Senado