*/ Senador de Bras?lia:Abandono do Parque Recreativo Ana Lídia Braga
 
http://twitter.com/rollembergpsb http://www.facebook.com/pages/Rodrigo-Rollemberg/211341845581927 http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=3314995351568856873 http://www.youtube.com/rollembergpsb http://www.flickr.com/photos/rodrigorollemberg
 
Discursos
         
Tamanho do texto
Atualizado em :28/05/2009
Abandono do Parque Recreativo Ana Lídia Braga
 

O SR. PRESIDENTE (Manato) - Concedo a palavra ao nobre Deputado Valdir Colatto. (Pausa.) Concedo a palavra ao nobre Deputado Rodrigo Rollemberg.

O SR. RODRIGO 
ROLLEMBERG (Bloco/PSB-DF. Sem revisão do orador.) Sr. Presidente, ocupo esta tribuna para pedir ao Governo do Distrito Federal maior atenção para a situação de precariedade e abandono em que se encontram algumas instalações do Parque Sarah Kubitschek, conhecido como Parque da Cidade, um dos principais pontos de lazer do Distrito Federal, frequentado diariamente por milhares de pessoas.

Matéria do Jornal de Brasília, publicada no último dia 25, alerta que, há 6 meses, o Parque Recreativo Ana Lídia Braga, um dos locais preferidos das crianças do Distrito Federal, foi interditado para que pudessem ser realizadas obras que trouxessem maior segurança aos brinquedos. Até hoje, passados todos esses meses, as obras não foram iniciadas.

Já com relação ao Parque da Cidade, há também grande reclamação quanto à falta de lixeiras, ao abandono das churrasqueiras e à situação dos banheiros públicos. É importante ressaltar que ele é considerado um patrimônio de Brasília, é a maior área de lazer da população e frequentado por moradores de todas as cidades do Entorno.

Portanto, venho cobrar do Governo do Distrito Federal maior atenção em relação a esse equipamento público e, de forma muito especial, o início imediato da reforma das instalações do Parque Recreativo Ana Lídia Braga, local muito frequentado pelas crianças.

Muito obrigado, Sr. Presidente, Sras. e Srs. Parlamentares.

(PRONUNCIAMENTO ENCAMINHADO PELO GABINETE)


O SR. RODRIGO ROLLEMBERG (Bloco/PSB-DF. Pronuncia o seguinte discurso.) Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, ocupo a tribuna desta Casa para chamar atenção do Governo do Distrito Federal para a situação de precariedade e abandono em que se encontram algumas instalações do Parque da Cidade de Brasília, um dos principais pontos de lazer públicos, frequentado diariamente por centenas de brasilienses.

Matéria do Jornal de Brasília do último dia 25 alerta que há seis meses, o Parque Ana Lídia, um dos locais mais procurados pelas crianças, que fica dentro do Parque da Cidade, encontra-se interditado. No dia quatro de novembro do ano passado, o Parque Ana Lídia foi fechado para reforma, em razão de um dos seus brinquedos ter machucado uma menina de 9 anos. Na ocasião, olaudo da Defesa Civil apontou para a necessidade de uma reforma em sua estrutura, para poder ser reaberto ao público. Resultado, até hoje, seis meses depois, ainda não começaram as obras de restauração dos brinquedos.

A reportagem do Jornal de Brasília aponta, também, para outros problemas estruturais do parque público, como a falta de lixeiras e o abandono das churrasqueiras, além da falta de conservação dos banheiros públicos, com alguns permanecendo inclusive fechados ao uso da população. Enquete feita por aquele periódico com frequentadores do Parque da Cidade aponta a falta de segurança, a sujeira e o descuido dos banheiros como objetos das maiores reclamações dos cidadãos.

Senhoras e Senhores deputados, fundado em 1978, o Parque da Cidade de Brasília Sarah Kubitschek tem 4,2 milhões de m², com uma localização privilegiada, no coração de Capital da República. Éum dos principais centros de lazer ao ar livre da cidade, concentrando quadras de esportes, lagos artificiais, parque de diversões, centro hípico e pistas de caminhada, patinação e ciclismo. Por tudo isso, ele éo local predileto dos brasilienses, para quem faltam alternativas de lazer, em virtude principalmente do desvituamento do projeto original da cidade.

Sr. Presidente, o projeto original de Brasília previa para cada conjunto residencial de quatro quadras, a construção de uma escola- classe, uma escola-parque, uma igreja, um posto de saúde, cinema, teatro, área de comércio, jardim de infância e um clube social, tudo projetado para atender às necessidades básicas dos moradores e garantir-lhes uma boa qualidade de vida em comunidade. Lamentavelmente, desse ideal, o único conjunto concluído foi o das Superquadras 107/108 e 307/308 Sul.

Em virtude dessa carência, é fundamental que o Governo do DF e as suas administrações regionais cuidem de seus parques, praças e quadras de esporte públicas, que representam em sua maioria a única alternativa de lazer para a população, especialmente aquela parcela mais pobre, que não tem condições financeiras de se associar aos vários clubes privados da cidade. 
E nesse contexto, o Parque da Cidade, por ser o maior, com localização privilegiada, em pleno centro da Capital, e principalmente por ser utilizado diariamente por centenas de cidadãos, merece atenção especial de nossas autoridades.

Muito obrigado.

Fonte:
 
 
fazer comentario comentários
imprimir

 

Mais Discurso
A FACA DO FAC - [29/04/2014]
Dia do Artesão - [19/03/2014]

 
   Últimas Notícias
Cidadania
Rollemberg cobra nomeação de aprovados em concurso do Senado
Pesquisas
Rollemberg comenta pesquisa que aponta insatisfação dos brasileiros com questões básicas
Distrito Federal
Ministério Público e pesquisadores defendem manutenção da área da Embrapa Cerrados
Cidadania
Senado debate ameaça de retirada da Embrapa Cerrados
Política
PSB e Rede apresentam diretrizes de programa de governo para o DF
Ciência e Tecnologia
Embrapa inaugura Banco Genético e comemora os 41 anos da empresa
Política
Elogios a decisão do STF sobre CPI exclusiva para Petrobras
Distrito Federal
Rollemberg lembra aniversário de Brasília e prega o fim da desigualdade no DF
Política
Oposição indica servidor do Senado para vaga de ministro do TCU
Cidadania
Rollemberg: Datafolha revela declínio econômico resultante dos erros de Dilma
Educação
CPI com investigação ampla enfraquece o Legislativo, afirma Rollemberg
Meio Ambiente
Números de relatório sobre mudança climática do IPCC são alarmantes, alerta Rollemberg
PSB
Rollemberg explica posição do PSB em relação à CPI da Petrobras
Distrito Federal
Senador alerta para risco de criação de novas cidades no DF
Cidadania
Rollemberg defende regulamentação profissional de artesãos

Vídeo

 

footer_down_01