*/ Senador de Bras?lia:Brasília é inventividade
 
http://twitter.com/rollembergpsb http://www.facebook.com/pages/Rodrigo-Rollemberg/211341845581927 http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=3314995351568856873 http://www.youtube.com/rollembergpsb http://www.flickr.com/photos/rodrigorollemberg
 
Discursos
         
Tamanho do texto
Atualizado em :20/04/2010
Brasília é inventividade
 
O SR. PRESIDENTE (Michel Temer) - Concedo a palavra ao ilustre Deputado Rodrigo Rollemberg, um dos autores do requerimento, para sua saudação.

O SR. RODRIGO ROLLEMBERG (Bloco/PSB-DF. Sem revisão do orador.) - Prezado Presidente Michel Temer; prezado Vice-Presidente, Deputado Marco Maia; prezado 4º Secretário, Deputado Nelson Marquezelli; prezado amigo Deputado Osório Adriano, Relator da Comissão Especial comemorativa dos 50 anos da transferência do Congresso Nacional para o Planalto Central; prezado Deputado Arnaldo Faria de Sá; prezado amigo e Deputado-Constituinte, Geraldo Campos, que muito nos honra com a sua presença aqui;prezado Ministro Luciano Brandão; prezado Carlos Murilo, Deputado Federal quando da transferência da Capital; prezados Deputados da bancada do Distrito Federal, todos membros da Comissão Especial dos 50 anos de Brasília, Deputados Laerte Bessa, Osório Adriano, Jofran Frejat, Augusto Carvalho, Magela, Rodovalho; Alberto Fraga e Tadeu Filippelli; prezados estudantes que nos honram com a presença; prezados servidores da Câmara dos Deputados — de forma muito especial, agradeço à comissão encarregada dos preparativos das comemorações dos 50 anos de Brasília— ; senhoras e senhores, minhas primeiras palavras são de profunda gratidão aos peões e candangos, brasileiros de todos os rincões do País que vieram construir essa verdadeira epopeia.

Qualquer pessoa que chegasse aqui, ao ver as condições de infraestrutura e comunicações do Brasil naquela época, jamais imaginaria que a população brasileira seria capaz de construir esta Capital em pouco mais de 3 anos.Todos os brasileiros que aqui chegaram não vieram para construir apenas uma cidade ou uma capital; vieram com o sonho e a determinação de construir um novo País. Portanto, minha profunda homenagem e gratidão aos peões e candangos que construíram Brasília.

Minhas segundas palavras, Sr. Presidente, Deputado Michel Temer, são de reconhecimento ao patriotismo dos membros do Congresso Nacional daquela época. Conversava hoje cedo com o Ministro Luciano Brandão, então Diretor-Geral da Câmara dos Deputados, e o Deputado Carlos Murilo, Deputado Federal à época, e comentava o que significou aquele gesto de patriotismo sobre a decisão da mudança do Congresso Nacional para Brasília.

Imaginem o que representou para Deputados e Senadores, que moravam na cidade do Rio de Janeiro, com todo conforto, à beira do mar, tomarem a decisão estratégica de mudar o Congresso Nacional para o sertão e interior brasileiro, a mais de mil quilômetros do litoral. O gesto tomado pelo então Congresso Nacional foi de grande patriotismo e visão de futuro e, como muito bem disse o Presidente Michel Temer, promoveu a integração do Brasil.

Imaginem os senhores, imagine, Deputada Luiza Erundina, o que seria das Regiões Centro-Oeste e Norte do País sem Brasília, esta cidade que promoveu o desenvolvimento e a integração de todo o País. 

Por outro lado, constato a força do destino, que reuniu, numa mesma geração o que havia de melhor na inteligência e na sensibilidade brasileira: Juscelino Kubitschek, Lúcio Costa, Oscar Niemeyer, Israel Pinheiro, Bernardo Sayão, Athos Bulcão, Burle Marx e Ernesto Silva. 

Gente comprometida com o Brasil e talentosa nas respectivas áreas, que queria construir, juntamente com os peões e candangos, um novo País. Dificilmente, outra quadra na história deste País poderá reunir tanta gente competente e talentosa como houve na construção de Brasília.

O Sr. Mauro Benevides - Permite-me, nobre Deputado Rodrigo Rollemberg, breve intervenção ao discurso de V.Exa?

O SR. RODRIGO ROLLEMBERG - Pois não, Deputado Mauro Benevides.

O Sr. Mauro Benevides - Deputado Rodrigo Rollemberg, foi generosa a referência do Presidente Michel Temer relativamente à minha participação naquilo que significou a expansão e o crescimento de Brasília e, sobretudo, a reconquista pelas liberdades democráticas, que teve como ponto culminante a promulgação de 5 de outubro de 1988, quando presidia esta Casa o inesquecível brasileiro Ulysses Guimarães, cujo nome pronuncio neste instante com a mais profunda emoção, até porque, por ser Vice-Presidente da Constituinte, eu estava ao lado dele naqueles momentos decisivos como o da autonomia de Brasília.

A partir daquele momento, vivenciei todos os outros fatos que aqui ocorreram, pela circunstância, que V.Exa. já lembrou em discurso anterior, de haver sido eu o último Presidente da Comissão do Distrito Federal. Tive o privilégio de entregar simbolicamente a chave da Câmara Distrital aos Deputados então eleitos, para que pudessem cumprir a tarefa naquele momento delegada ao Senado Federal. 

São fatos significativos que fazem com que tenhamos este instante auspicioso, por isso não me dispensaria de enaltecer a obra do extraordinário Juscelino Kubitschek, que depois se transformou em monumento excepcional pela genialidade de Oscar Niemeyer e do grande urbanista Lúcio Costa e, sobretudo, pelas lideranças que souberam construir esta Brasília, que, além de ser Patrimônio da Humanidade, é também centro de explosão democrática para todo o País. Cumprimento V.Exa. e me associo ao enaltecimento que se faz nesta data significativa da Nação brasileira, que são os 50 anos de Brasília. Muito obrigado, nobre Deputado. (Palmas.)

O SR. RODRIGO ROLLEMBERG - Muito obrigado, Deputado Mauro Benevides. Brasília é muito grata a V.Exa. e a todos os Constituintes por terem garantido autonomia política ao Distrito Federal, o direito de nossa cidade eleger o Governador e os Deputados Federais e Distritais. 

Mas, Brasília também se caracteriza pela singularidade. Brasília não é cópia. Brasília não é imitação. Brasília é inventividade. Brasília nasceu sob o fruto da singularidade. 

Isso demonstra o momento de confiança e otimismo no País e de crença na capacidade de o nosso povo construir soluções e alternativas para a política, a arte, a música, enfim, todas as manifestações humanas.

Brasília, a cidade mais nova, é a única que, no mesmo século em que foi construída, passou a ser considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, título que muito nos honra e orgulha.

Sras. e Srs. Parlamentares, Brasília nasceu sob o signo da esperança. Brasília, como muito bem diz o hino popular, nasceu de um brado de orgulho e de confiança em um novo País, movido pelo grande líder e estadista, Juscelino Kubitscheck. 

Brasília nasceu com a perspectiva de ser a vanguarda do desenvolvimento do Brasil, construindo um país mais justo, solidário e generoso. Este é o desafio do resgate da esperança que se coloca para nós, que somos da geração Brasília, para as crianças nascidas em nossa cidade.

O Brasil vive hoje momento positivo como o de 1960, reduzindo as desigualdades sociais e regionais e se inserindo, de forma diferenciada, no cenário mundial. 

Mais do que nunca nós temos a responsabilidade de contribuir para esse momento, sendo vanguarda de um novo país, um país mais justo, mais solidário, mais generoso e soberano, para que possamos dizer, com muita tranquilidade, com muito fervor: Num brado de orgulho e confiança nasceu a linda Brasília a capital da esperança. (Palmas.)
Fonte:
 
 
fazer comentario comentários
imprimir

 

Mais Discurso
A FACA DO FAC - [29/04/2014]
Dia do Artesão - [19/03/2014]

 
   Últimas Notícias
Pesquisas
Rollemberg comenta pesquisa que aponta insatisfação dos brasileiros com questões básicas
Distrito Federal
Ministério Público e pesquisadores defendem manutenção da área da Embrapa Cerrados
Cidadania
Senado debate ameaça de retirada da Embrapa Cerrados
Política
PSB e Rede apresentam diretrizes de programa de governo para o DF
Ciência e Tecnologia
Embrapa inaugura Banco Genético e comemora os 41 anos da empresa
Política
Elogios a decisão do STF sobre CPI exclusiva para Petrobras
Distrito Federal
Rollemberg lembra aniversário de Brasília e prega o fim da desigualdade no DF
Política
Oposição indica servidor do Senado para vaga de ministro do TCU
Cidadania
Rollemberg: Datafolha revela declínio econômico resultante dos erros de Dilma
Educação
CPI com investigação ampla enfraquece o Legislativo, afirma Rollemberg
Meio Ambiente
Números de relatório sobre mudança climática do IPCC são alarmantes, alerta Rollemberg
PSB
Rollemberg explica posição do PSB em relação à CPI da Petrobras
Distrito Federal
Senador alerta para risco de criação de novas cidades no DF
Cidadania
Rollemberg defende regulamentação profissional de artesãos
Copa do Mundo
Rollemberg denuncia superfaturamento em obras do estádio de Brasília

Vídeo

 

footer_down_01