*/ Senador de Bras?lia:Morte do artista plástico Athos Bulcão
 
http://twitter.com/rollembergpsb http://www.facebook.com/pages/Rodrigo-Rollemberg/211341845581927 http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=3314995351568856873 http://www.youtube.com/rollembergpsb http://www.flickr.com/photos/rodrigorollemberg
 
Discursos
         
Tamanho do texto
Atualizado em :04/08/2008
Morte do artista plástico Athos Bulcão
 
O SR. RODRIGO ROLLEMBERG (Bloco/PSB-DF. Pronuncia o seguinte discurso.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, Brasília perdeu na última quinta-feira um de seus principais símbolos: o artista plástico Athos Bulcão. Sua morte, causada por complicações do Mal de Parkinson, abalou a população do lugar que o acolheu há 50 anos. 

No dia 15 de agosto de 1958, Athos deixou o Rio de Janeiro, onde nasceu, agarrou-se ao sonho de Juscelino Kubitschek e, junto a Oscar Niemeyer, desenvolveu uma harmonia entre arte e arquitetura que hoje é patrimônio da humanidade. Dos 90 anos de vida, 50 foram dedicados ao Distrito Federal, o que o torna o mais brasiliense dos pioneiros.

Reconhecido por seus múltiplos talentos, a rica coleção de Athos traz pinturas, máscaras, gravuras, fotomontagens e integrações arquitetônicas. Para conhecer sua obra, basta um rápido passeio pelas ruas de Brasília, dos azulejos da Igrejinha da 308 Sul à fachada do Teatro Nacional Cláudio Santoro; do painel do Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek às paradas do Parque da Cidade. São quase 200 trabalhos expostos em escolas, pontos turísticos e prédios públicos. Athos ajudou a colorir esta Capital com sua alegria cromática, que explode em desenhos geométricos.

Ele fez de Brasília um museu a céu aberto. Imprimiu leveza, elegância e humanização nos espaços da Capital. Ao inserir arte na arquitetura, democratizou a estética e a harmonia do concretismo. Sua digital impregnada nas paredes da cidade é parte da gênese do espaço urbano recriado que é Brasília. Difícil acreditar que, na juventude, estudou Medicina por quase três anos. Mas não teve jeito. A paixão pela estética da criação falou mais alto, e o jovem abandonou o curso para se embrenhar nas veredas da arte.

Todos sentiram e continuarão sentindo a perda do homem de intelecto e simplicidade invejáveis que colocou um toque de sutileza no concreto candango. O corpo se foi, mas a obra ficará nos traços, formas e cores dos painéis e intervenções espalhados pela Capital Federal. O artista compulsivo em criar lutou brandamente com a doença que teimava em lhe tirar os movimentos. Até quando pôde comandar as mãos, produziu sem parar desenhos com canetinhas coloridas.

Athos deixa saudades no pedaço de utopia que ele viu nascer. Com sua arte, ele tornou mais bela e sensível a vida em nossa cidade. Ao lado de JK, Niemeyer e Lúcio Costa, Athos estará para sempre guardado em nossas memórias e corações.

Nossos sentimentos a todos os familiares e amigos do artista Athos Bulcão.
Fonte:
 
 
fazer comentario comentários
imprimir

 

Mais Discurso
A FACA DO FAC - [29/04/2014]
Dia do Artesão - [19/03/2014]

 
   Últimas Notícias
Cidadania
Rollemberg cobra nomeação de aprovados em concurso do Senado
Pesquisas
Rollemberg comenta pesquisa que aponta insatisfação dos brasileiros com questões básicas
Distrito Federal
Ministério Público e pesquisadores defendem manutenção da área da Embrapa Cerrados
Cidadania
Senado debate ameaça de retirada da Embrapa Cerrados
Política
PSB e Rede apresentam diretrizes de programa de governo para o DF
Ciência e Tecnologia
Embrapa inaugura Banco Genético e comemora os 41 anos da empresa
Política
Elogios a decisão do STF sobre CPI exclusiva para Petrobras
Distrito Federal
Rollemberg lembra aniversário de Brasília e prega o fim da desigualdade no DF
Política
Oposição indica servidor do Senado para vaga de ministro do TCU
Cidadania
Rollemberg: Datafolha revela declínio econômico resultante dos erros de Dilma
Educação
CPI com investigação ampla enfraquece o Legislativo, afirma Rollemberg
Meio Ambiente
Números de relatório sobre mudança climática do IPCC são alarmantes, alerta Rollemberg
PSB
Rollemberg explica posição do PSB em relação à CPI da Petrobras
Distrito Federal
Senador alerta para risco de criação de novas cidades no DF
Cidadania
Rollemberg defende regulamentação profissional de artesãos

Vídeo

 

footer_down_01